Way2Blog

Tudo sobre gestão de energia e o setor elétrico!

Por João Lopes, Partner Success Manager na Way2 | 23 dezembro, 2020 | 0 Comentário(s)

Diagnóstico energético: o primeiro passo para um plano de eficiência energética

Diagnóstico energético e eficiência energética são temas importantes que estão interligados, afinal é necessário entender o perfil energético de uma operação antes de promover ações de eficiência energética para consumo consciente de energia.

Sem tempo para ler o artigo? Ouça aqui:

diagnóstico energético

A energia elétrica é um insumo vital para o crescimento e evolução da humanidade. Ainda que este avanço seja positivo, existe uma série de desafios a serem superados para alcançar a eficiência energética e promover um consumo consciente e sustentável de energia

No passado, idealizava-se que uma nação seria considerada mais desenvolvida que outra, caso consumisse mais energia. Isso foi se desconstruindo ao longo do tempo ao constatar grandes perdas energéticas.

Com isso, investimentos voltados para o diagnóstico energético e projetos de eficiência energética, têm se tornado cada vez mais comuns nas operações de empresas e indústrias, pois foi comprovado que é possível obter o mesmo resultado, promovendo o uso racional de energia.

Isso trouxe mais competitividade para as empresas, menor custo de produção, além de reduzir os impactos negativos ao meio ambiente e gastos desnecessários de energia. 

O que é diagnóstico energético?

O diagnóstico energético é um estudo e levantamento de campo elaborado com o objetivo de verificar o padrão de consumo energético de uma empresa, ou qualquer instalação. Esse diagnóstico permite o gerenciamento de energia eficaz e sustentável, pois apresenta os principais hábitos de consumo, pontuando desperdícios, o desempenho dos sistemas energéticos existentes e o custo do consumo de energia de uma operação.

A importância de fazer diagnóstico energético nas operações

O diagnóstico energético deve ser aplicado antes da execução de projetos de eficiência energética. Através de uma análise detalhada, é possível encontrar falhas e elaborar um plano de ação que determina os investimentos a serem realizados, prioridades e etapas de execução. A partir dessa análise, são destacados os pontos mais importantes a serem tratados.

Como fazer o diagnóstico energético?

Importante ressaltar que os diferentes segmentos de mercado como indústrias, varejo, mineradoras, entre outros, possuem padrões de consumo diferentes e características específicas. As estratégias utilizadas para fazer um bom diagnóstico energético podem variar muito de acordo com cada segmento, mas todas têm energia elétrica como um fator comum entre elas, e essa tem sido um insumo que representa um custo significativo nas operações.

A melhor maneira de se começar um diagnóstico energético e ser mais assertivo na tomada de decisão para as próximas etapas, é:

  • Ter o conhecimento pleno do perfil de consumo da sua operação;
  • Entender os padrões de consumo ao longo dos dias, semanas e meses;
  • Ter visibilidade de custos com energia em determinados períodos e desperdícios.

Diagnóstico energético a partir do uso de tecnologia 

Todas essas informações podem ser coletadas manualmente e através de análises de faturas de energia. No entanto, plataformas como a PowerHub, possibilitam automatizar a coleta e análise das faturas, trazendo agilidade e segurança por se tratar de dados confiáveis e assertivos. Isso permite tomadas de decisões alinhadas com as reais necessidades operacionais da empresa.

De posse dessas informações e, entendendo o atual cenário da empresa, com o diagnóstico energético já é possível tomar ações relativamente simples, antes mesmo de definir e executar projetos de eficiência energética que apresentam ótimos resultados. Por exemplo: ajustando a operação diária com o remanejamento de cargas para diferentes horários do dia, fazendo o melhor uso da demanda contratada e evitando multas por ultrapassagem.

Extraindo dados de energia inteligentes na PowerHub

O exemplo a seguir demonstra bem a importância e o poder que um bom diagnóstico energético tem, bem como o valor que os dados de plataforma online de gerenciamento de energia como os coletados pela PowerHub possui.

Veja no gráfico como entender o cenário atual da empresa com relação ao fator de potência (identificado no diagnóstico energético), indica ultrapassagem e deixa a empresa sujeita às multas por excedente reativo.

powerhub

Gráfico de fator de potência da plataforma PowerHub

Ações práticas para alcançar a eficiência energética da operação podem ser tomadas para essa correção, como por exemplo: automação do banco de capacitores e seu redimensionamento se necessário, corrigindo para o fator de potência de ideal demonstrado.

powerhub

Gráfico de fator de potência da plataforma PowerHub

Veja como o Posto Leival, da Rede VB, detectou picos de demanda de energia analisando o seu fator de potência na PowerHub. 

Identificar padrões de consumo divergentes da operação ideal modelada e definida fazem parte da PowerHub, a partir da criação de alarmes e notificações que indicam o funcionamento indevido de uma linha de produção no período da madrugada, por exemplo. 

No diagnóstico energético, identificar essas lacunas com auxílio de uma tecnologia de dados em tempo real como a da plataforma PowerHub, além de ajudar na tomada de ações para correção, também é possível fazer a comparação do antes e depois, comprovando os resultados obtidos no diagnóstico energético para que projetos de eficiência energética possam ser executados com mais inteligência.

Vale ressaltar que ações desse tipo vão muito além de reduzir gastos e deixar seu negócio mais competitivo. Representa uma mudança de postura diante do mercado que impacta a sociedade como um todo, além se assumir um papel mais responsável e sustentável.

powerhub

Deixe seu comentário!

Assine a Way2News

Saiba o que está acontecendo quando o assunto é energia e tecnologia